NOTÍCIAS

Mais de 40 cartórios gaúchos participam da Campanha Sinal Vermelho de combate à violência doméstica
29 DE NOVEMBRO DE 2021


Todas as serventias que aderirem a iniciativa podem fazer a divulgação em seus estabelecimentos

A Associação dos Notários e Registradores do Estado do Rio Grande do Sul (Anoreg/RS) aderiu à campanha nacional Sinal Vermelho contra a Violência Doméstica no mês passado e, desde então, incentiva a participação dos cartórios gaúchos na iniciativa, a fim de oferecer às mulheres vítimas de violência doméstica mais um lugar de denúncia e apoio. Já são 45 serventias participando da ação.

A Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lançaram a campanha em 2020, que busca o desenvolvimento de ações práticas e institucionais de combate à violência doméstica.

A denúncia é feita por meio de um símbolo: ao desenhar um “X” na mão e exibi-lo nos cartórios, a vítima poderá receber auxílio e acionar as autoridades. As serventias interessadas em aderir à Campanha Sinal Vermelho devem preencher o Termo de Adesão do Cartório, e em seguida, enviá-lo para o email imprensa@anoregbr.org.br.

Todas as serventias que aderirem a iniciativa podem fazer a divulgação em seus estabelecimentos, através do material disponibilizado pela Anoreg/BR, que conta com cartilha, cartazes, posts para redes sociais, vídeos, entre outros.  Clique aqui para acessar o material e dê início à divulgação da campanha Sinal Vermelho em seu Cartório.

Confira abaixo os cartórios do Rio Grande do Sul que aderiram à campanha:

– Tabelião de Notas e Protesto de Títulos de Arroio do Meio

– 1º Tabelionato de Protesto de Porto Alegre

– Ofício dos Registros Públicos de Taquari

– 9º Tabelionato de Notas de Porto Alegre

– Serviços Notariais e de Registro de Barnabé

– Cartório Hart Schneider

– Registro Civil das Pessoas Naturais de Rosário do Sul

– Serviço Notarial e Registral de Colinas

– Registro Civil e Especiais de Júlio de Castilhos

– Registro Civil das Pessoas Naturais de Lajeado

– Registro de Imóveis de Ijuí

– Cartório 1º Subdistrito de Dunas – Pelotas

– Ofício de Registro Civil e Anexos de Osório

– Oficio Notarial e Registral de Vila Seca

– 9º Tabelionato de Noras de Porto Alegre

–  Registro Civil das Pessoas Naturais – 5ª Zona Porto Alegre

– Cartório de Protestos, RTDPJ de Cachoeira do Sul

– Cartório Pagel e Schneider de Manoel Viana

– Ofício dos Registros Públicos de Cidreira

– Tabelionato de Notas de Palmitinho

– 1 Tabelionato de Notas de Erechim

– Tabelionato de Notas e Registro Civil de Santa Lúcia do Piaí

– Tabelionato de Notas e Protesto de Butiá

– Oficio dos Registros Públicos de São Francisco de Assis

– Registro de Imóveis Rio Grande

– Tabelionato Arvorezinha

– Cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais de Soledade

– Registro Civil das Pessoas Naturais 2ª Zona – Rio Grande

– 2º Tabelionato Blaskesi de Alegrete

– Zanin Serviço Notarial – Marcelino Ramos

– Ofício de Registros Públicos de Encruzilhada do Sul

– Cartório de Registro Civil de São Luiz Gonzaga

– 3º Tabelionato de Notas de Porto Alegre

– Barracão Registros Públicos e Anexos

– Serviço Notarial e Registral de Paraí

– Tabelionato de Notas e Registro Civil de Marau

– Registro de Imóveis 1ª Zona de Porto Alegre

– Serviço Registral Público de Antônio Prado – cartório Uberti

– 1º Tabelionato de Notas e Protestos de Novo Hamburgo

– Serviço de Registro das Pessoas Naturais de São Lourenço do Sul

– Serviço Notarial e Registral de Brochier

– Tabelionato de Notas, Protestos, Registros Especiais e Registro Civil das Pessoas Naturais de Palmeira das Missões

– Tabelionato de Notas e Registro Civil das Pessoas Naturais de Campo Bom

– Registro Civil das Pessoas Naturais de Rosário do Sul

– Tabelionato e Registros de Minas do Leão

Fonte: Assessoria de Comunicação da Anoreg/RS, com informações da Anoreg/BR

Outras Notícias

Anoreg RS

Parecer e despacho CGJ-RS 21/01/2022
21 de janeiro de 2022

Leia o despacho da CGJ-RS, que foi apreciado a partir dos fatos levados pela Associação dos Notários e...


Anoreg RS

Instrução Normativa DREI/ME Nº 112/2022 altera leis no que tange ao Registro Público de Empresas Mercantis
21 de janeiro de 2022

Dispõe sobre as alterações promovidas pela Lei Complementar nº 182, de 1º de junho de 2021, Lei nº 14.193, de...


Anoreg RS

Projeto permite que condomínios residenciais adquiram personalidade jurídica
21 de janeiro de 2022

Objetivo é resolver problemas burocráticos que alguns deles têm enfrentado, como dificuldade para compra e...


Anoreg RS

Artigo – Sou filho único. Preciso mesmo abrir um inventário?
21 de janeiro de 2022

Inventário é a abertura de um processo judicial ou extrajudicial, no qual é feita a descrição de todos os bens...


Anoreg RS

O falecido deixou apenas bens particulares. Tendo união estável, tenho direito nessa herança?
21 de janeiro de 2022

Os bens particulares são aqueles que não são comuns ao casal


Anoreg RS

Artigo – Impactos da medida provisória 1.085/21 na contagem dos prazos nos registros públicos
21 de janeiro de 2022

Alterações promovidas no art. 9º da LRP, com a inserção de três parágrafos que versam sobre a contagem dos...


Anoreg RS

Mães poderão registrar com dupla maternidade filho fruto de inseminação caseira; decisão cita Enunciado IBDFAM
20 de janeiro de 2022

Duas mulheres, casadas desde 2020, realizaram no início de 2021 um procedimento de fertilização em clínica de...


Anoreg RS

Jornal Contábil – Nova lei da recuperação judicial abrange também os produtores rurais!
20 de janeiro de 2022

Safra 2021/22 será a primeira em que agricultores terão, desde o começo do cultivo, recurso que garante fôlego...


Anoreg RS

IRIB recebe sugestões de emendas à MP n. 1.085/2021
20 de janeiro de 2022

Contribuições poderão ser enviadas por qualquer Registrador Imobiliário ao e-mail específico.


Anoreg RS

“Muitas pessoas transgêneras, por desinformação, por falta de recursos ou mesmo por simples desleixo, ainda não se valeram dos benefícios da desjudicialização”
20 de janeiro de 2022

No mês da visibilidade trans, o Irpen/PR conversou com Letícia Lanz, especialista em Gênero e Sexualidade e...